Meu momento

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Dias melhores

Hoje estou melhor. Aliás, a cada dia eu me sinto um pouco melhor. Podem notar que sempre tem algo novo e estou sempre tentando levantar meu astral. Seja com uma cor nova, um sorriso novo, um comentário diferente.

Vou repetir (até eu mesma me cansar...) que estou assim, eu NÃO sou assim.

Mas vira e mexe, tenho uma recaída. Não sei o que me dá. Mesmo após tantos "NÃOS", tantas palavras duras, ainda acredito nesse relacionamento e o fim dele pra mim ainda soa como algo tão surreal e fora da realidade que parece que a qualquer momento, o "dito" vai cair em si, voltar com o juízo e vai reconsiderar.

Digo isso, porque não nos conheceram quando casados. Era um carinho muito grande que ele tinha não só por mim, mas pelo filho. Realmente, era um casamento pra durar a vida toda e em algum momento nos perdemos. E o pior, não houve tempo nem pra tentativas. Foi somente um ponto final.

Ontem ouvi o seguinte: O que você tem é esperança. E ela é a última que morre! Pareceu engraçado, mas é exatamente isso. Tenho esperança.

Pode parecer que sou burra (e às vezes acho que sou mesmo), parecer imaturidade, sentimento de perda... Pode ser qualquer coisa! Mas a única coisa que sei é que só pode ser amor.

Não tenho outra justificativa.

7 Cométários que me fizeram feliz!:

SGi/Sonia disse...

Esperança também é tão bom né?

Torço sempre para que o melhor aconteça, independente qual seja o melhor. Desde que você seja feliz.

Beijins com Felicidades:)

Fiona de Bourbon disse...

Amiga,
eu acho vc mais que especial por manter esse sentimento por sua familia, por querer a unidade dela. Sei que muita gente te manda virar a página, esquecer tudo isso e dar a volta por cima. É uma opçao. Mas pra mim não é a melhor. Nao perca as esperanças. Não fique de braços cruzados também. Lute pela sua família. Até que haja respeito da parte dele, considere uma reconciliação. Agora se nas suas tentativas vc sentir que há resistencia, desrespeito, e que seu amor proprio começa a ser maltratado, aí considere firme a alternativa de que infelizmente não tem jeito. Mas so quem pode avaliar tudo isso é vc. Só vc. Minha mae sempre dizia que so sabe onde o sapato aperta, quem o calça. É pratico dar conselho, analisar de longe, e te apontar o caminho. Mas é vc quem sente, quem sabe a fundo. Na minha opiniao mais sincera e mais amiga é que vc não deve desistir da sua familia. Eu praticamente me ponho no seu lugar, na expectativa de que tudo volte a ser como antes. Torço, torço, torço!

Biana França disse...

Flavinha, vc é uma pessoa que transborda amor, e eu, particularmente, acho isso tão lindo!
Ter esperança é bom e saiba que Deus está cuidando do seu coração, pode acreditar, a família é um projeto de Deus, embora, nem sempre as coisas saiam como o esperado. Aconteça o que acontecer, vc terá consolo.
Bjus.

Jully disse...

Flavinha, só quem sabe o verdadeiro valor do amor consegue passá-lo assim como você...
Sorte de quem tem um amor desses a receber, azar daquele que não quer.
Bjoo linda.

Alone disse...

Ai que linda, eu estava percebendo mesmo que vc estava bem alto astral e sorrindo, ou seja proicurando viver os momentos felizes, mas as vezes as lembranças veem! dói néh?! Não tenho o direito de pedir pra vc esquecer...então minha amiga, siga em frentem andando...sem olhar para trás, nas esquenas da vida, vc econtrará a saída!

torço por ti em!

carolbiasucci disse...

Sofrer e querer voltar atrás faz parte, Flavitcha.. mas a gente vai ficar ouvindo não até a gente se dá conta de que não vale mais a pena, e que de fato, só parte da família se desfez , porque vc tem seus filhotes e tá sendo guerreira em cuidar deles sem a presença masculina diaria.

como eu já disse, ainda vai doer.

A vida para além de ti! disse...

Oi Flavinha,
sabe que faz parte do processo de cura e ate mesmo de aceitação, esta fase. VC mantem uma esperança que nao entende e a vida lhe diz que um dia...
Quem sabe que isso pode mesmo acontecer, hem!!!!
Mas o principal e seguir em frente vc e recuperar controle de si e dos seus sentimentos. Ja passei por isso e ainda hoje aquela esperança teima em continuar no meu coração. Fazer o quê????!!!

 
Iniciando Ciclos. Design by Exotic Mommie. Illustraion By DaPino